terça-feira, 16 de julho de 2024

7 pessoas já foram identificadas como suspeitos de ameaças de ataque em escolas

A Polícia Civil do Maranhão, Goiás e São Paulo desencadeiam, a Operação Escola Segura, para desarticular grupo que ameaçava realizar ataques contra a vida de alunos de escola do Maranhão, além da prática de pedofilia e outros crimes por meio digital.

As investigações se iniciaram quando adolescentes de uma escola no Maranhão denunciaram que estavam sendo vítimas de ameaças de ataque prática dos crimes de homicídio, estupro e outros delitos. As ameaças partiram por meio digital.

A Polícia Civil do Maranhão vem investigando ameaças de ataque a escolas por meio digital resultando na identificação de sete suspeitos, os quais foram submetidos aos procedimentos legais junto as unidades de polícia judiciária.

A polícia segue investigando mais perfis dessa natureza para responsabilizar os envolvidos nessa prática.

A Polícia Civil do Maranhão, através do DCCT/SEIC, passou a investigar os fatos e chegou ao grupo suspeito, tendo representado por mandados de busca e apreensão cumpridos na manhã de hoje, 12/04/2023.

Durante o cumprimento das buscas foram apreendidos objetos de natureza “nazista”, máscara utilizada nas imagens de rede social, faca tática, além de dispositivos eletrônicos mencionando ataques.

As investigações seguem para identificar demais integrantes do grupo e responsabilizar os já identificados, na forma da lei.

A ação policial foi realizada pelo Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos/SEIC da Polícia Civil do Maranhão, Delegacia de Polícia de Piracanjuba/GO e Delegacia de Polícia Civil de Monte Mor/SP.

– Publicidade –

Outros destaques