domingo, 25 de setembro de 2022

A inflação da capital maranhense atingiu 2,06% no mês de março

O IBGE divulgou a nossa inflação oficial, que é medida pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA). A inflação de São Luís avançou para 2,06% em março, após ficar em 1,33% em fevereiro. No ano, o indicador acumula alta de 3,98% e nos últimos 12 meses registra alta 12,22%.

Em março, os principais impactos vieram dos transportes (4,82%) e de alimentação e bebidas (2,24%). No caso dos transportes, a alta foi puxada, principalmente, pelo aumento nos preços dos combustíveis (6,70%), com destaque para gasolina, que teve o maior impacto individual no indicador geral. Tivemos um reajuste de 18,77% no preço médio da gasolina vendida pela Petrobras para as distribuidoras, no dia 11 de março. Houve também altas nos preços do etanol e óleo diesel. Além dos combustíveis, outros componentes ajudam a explicar a alta nesse grupo, como o transporte por aplicativo e o manutenção de automóvel. No transporte públicos, também tivemos reajustes nas passagens dos ônibus urbanos de São Luís.

No grupo dos alimentos e bebidas, a alta de 2,24% devido, principalmente, dos preços dos alimentos para consumo em domicílio. A maior contribuição foi do tomate e cenoura. Também subiram os preços do leite longa vida, óleo de soja, frutas e pão francês. O IPCA abrange as famílias com rendimentos de 1 a 40 salários mínimos.

Wagner Matos – economista

– Publicidade –

Outros destaques