quinta-feira, 29 de setembro de 2022

Alunas fazem curso gratuito voltado para a confecção de produtos sustentáveis

Na próxima segunda-feira, mais de 30 mulheres residentes em bairros da área Itaqui-Bacanga e da zona rural de São Luís, indicadas pela Defensoria Pública do Maranhão, irão receber os certificados de conclusão do curso de ECOMODA, promovido pela Equatorial Maranhão, por meio do seu programa E+ Profissional, em parceria com o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial). A solenidade de certificação será no auditório da nova sede da DPE/MA e contará com um desfile das peças produzidas pelas formandas.

O curso de ECOMODA é uma das atividades que compõem o projeto “Costurando sonhos”, idealizado pela Defensoria Pública, com o objetivo principal promover educação em direitos, além de possibilitar a independência financeira e a formação em empreendedorismo social, com a valorização do empoderamento feminino.

A capacitação totalmente gratuita foi iniciada no dia 28 de março, com duas turmas exclusivas para mulheres que passaram por alguma situação de vulnerabilidade social e também mães solo, selecionadas pela DPE, após acompanhamento realizado pelo Núcleo da Zona Rural, com apoio do Núcleo Psicossocial da Defensoria. As aulas foram ministradas na sede da União de Famílias Moradoras da Vila Esperança e na sede da ACIB (Associação Comunitária do Itaqui Bacanga), localizada na Vila Embratel.

Com o conhecimento adquirido no curso, as mulheres agora podem gerar renda a partir da produção de sacolas sustentáveis e outros itens feitos a partir de fardamentos antigos da Equatorial Maranhão e outros materiais recicláveis, como banners e lonas já sem utilização.

– Publicidade –

Outros destaques