domingo, 2 de outubro de 2022

Arquivos históricos do Teatro Arthur Azevedo serão restaurados e digitalizados

São dois documentos referentes a Eleuterio Varela (um dos fundadores do Teatro União, hoje Arthur Azevedo)

O Teatro Arthur Azevedo e o curso de Teatro da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), recebem a parceria do Arquivo do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) para trabalhar a história do teatro e a restauração e digitalização de dois documentos referentes a Eleuterio Varela (um dos fundadores do Teatro União, hoje Arthur Azevedo). Varela foi governador do Maranhão, de 3 de janeiro a 4 de julho de 1890.

Os documentos a serem restaurados tratam-se de dois processos cíveis: um agravo, no qual Eleuterio Varela cobra o ator Joze Maria Galvão por quebra de contrato; e um Libelo (peça acusatória apresentada pelos promotores de justiça), no qual o coronel José Joaquim Vieira Belfort cobrava dívidas a Eleuterio Varela.

Ao fim do projeto, será publicado um livro com os documentos transcritos e os originais restaurados e disponibilizados para consulta pública. O Teatro também usará o Arquivo como uma das fontes de pesquisa para a história das artes cênicas no Maranhão.

Acervo Histórico

Segundo a Resolução nº 142013 do Tribunal, os acervos cujos documentos datam até 1970 são classificados como históricos e têm sua preservação garantida, conforme critérios arquivísticos aprovados pelo Conselho Nacional de Arquivos (CONARQ) e pelo Internacional Council of Archives (ICA).

– Publicidade –

Outros destaques