Assaltos noturnos somam prejuízos para lojistas da Rua Grande


Foto: Pablo Tadeu

Lojistas da Rua Grande de São Luís estão inconformados com a quantidade de assaltos que vem ocorrendo na região. A criminalidade atua principalmente no período noturno, deixando um rastro e acumulo de prejuízo para quem tem seu estabelecimento comercial arrombado, em alguns casos, por várias vezes.

A Polícia afirma que faz rondas e que a já vem adotando novas estratégias para coibir a ação dos criminosos. “Estamos adotando algumas estratégias para reforçar o policiamento, principalmente na área noturna, no período da madrugada”, declarou o comandante do 9° Batalhão da Polícia Militar, o tenente coronel Diniz.

A entidade que congrega os lojistas busca ideias que ajudem a melhorar a segurança. A principal proposta é a instalação de câmeras de videomonitoramento em pontos estratégicos. “A gente tem procurado, a Câmara de Dirigentes Lojista (CDL) com outras entidades de classe que dão apoio ao comercio daquela artéria, fazer isso. Agora é preciso também que os lojistas que estão alí sedados participem e venham cooperar por que só o governo, eles alegam que não tem condições de fazer isso”, declarou José Terceiro, diretor CDL em São Luís.

*