quarta-feira, 16 outubro, 2019
Início Polícia Astro de Ogum passa mal e depoimento à polícia é adiado

Astro de Ogum passa mal e depoimento à polícia é adiado

O ex-presidente e atual vice-presidente da Câmara Municipal de São Luís, Astro de Ogum (PR), passou mal na última segunda-feira, 16, e teve adiado seu depoimento ao delegado Armando Pacheco, da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic).

O vereador é investigado por crime de extorsão contra menor para obtenção de favores sexuais. Além de Astro, outros dois assessores de seu gabinete, Raimundo Costa, o “Filho”, e a transexual Raíssa Martins Mendonça, também são suspeitos de cometer o crime. Os dois encontram-se presos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, na capital maranhense.
Um novo depoimento do vice-presidente da Câmara Municipal deve ser remarcado pelo delegado Armando Pacheco para que o parlamentar explique seu suposto envolvimento em crimes de abuso sexual.

Na quinta-feira passada, 12, o ex-presidente da Câmara acabou sendo conduzido pela polícia à Seic depois de policiais terem encontrado uma arma de fogo em sua residência, no Olho d´Água. Por não comprovar a posse de arma, Astro foi detido, pagou fiança e horas depois foi liberado. Ele alegou que a arma pertencia ao segurança particular de sua casa de praia.

Categorias relacionadas:
- Publicidade -

Mais recentes

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 34 milhões

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (16) prêmio de R$ 34 milhões. As seis dezenas do concurso 2.198 serão soreadas a partir das 20h (horário...
- Publicidade -