Siga-nos

Maranhão

Atraso de navio cargueiro pode gerar falta de combustível no Nordeste

Publicado

em

Um atraso na chegada de um navio cargueiro pode gerar falta de combustível em várias cidades do Maranhão e do Nordeste. Segundo informações, os postos em que o estoque não foi bem gerido devem ficar sem o produto nas bombas.

A informação é do presidente do Sindicato dos Donos de Postos de Combustíveis do Piauí, Alexandre Cavalcante. De acordo com ele, o navio aportará nesta sexta-feira (10) em São Luís, mas mesmo assim, o transporte do combustível até os postos deve demorar a acontecer devido aos trâmites legais que precisam ser feitos antes da liberação da carga.

“O produto precisa ser nacionalizado, precisar de autorização da Receita para desembarcar e ainda tem o transporte, que acontece de trem e de caminhão. Se vier de trem, demora de quatro a cinco dias para chegar, mas se vier de caminhão, o tempo de viagem é menor. No entanto, a capacidade de carga do caminhão é menor, ou seja, mesmo que chegue mais rápido, chega em menos quantidade”, explica Alexandre.

A previsão é que o abastecimento de diesel S10 seja normalizado até segunda-feira (13) e o de gasolina até a próxima sexta-feira (17). “O que queríamos pedir à população é que não se desespere para encher o taque, porque isso pode agravar ainda mais a situação. Abasteça seu carro normalmente até dê preferência usando etanol, porque ele está normalizado e não vai ter grandes problemas”, finaliza.

 

Com informações do Portal O Dia*