Siga-nos

Cultura

Com Dia Mundial da Alimentação e do Pão Sesc prepara programação lúdica e social

Publicado

em

Foto: Reprodução

O Dia Mundial da Alimentação é celebrado por mais de 150 países e visa estimular o consumo consciente e a adoção de hábitos saudáveis de alimentação. O Sesc, por meio do Programa Mesa Brasil Sesc, em outubro intensifica as ações e entrega pães em comemoração ao Dia Mundial do Pão. Na programação, que inicia nesta próxima terça-feira (09), terá dramatização e jogos lúdicos sobre alimentação saudável em três instituições.

A alimentação saudável na infância e na adolescência promove a saúde, o crescimento, o desenvolvimento e previne problemas de saúde. Com esse foco, os alunos do Clube de Mães Baixão do São Cristóvão – Tai Valdecira, Creche Tia Júlia (Túnel do Sacavém),  Centro Educacional Santo Antônio – CECSA (Santo Antônio) e Legião da Boa Vontade – LBV (Vila Passos) vão aprender se divertindo na dramatização “Alimentos saudáveis X Alimentos não saudáveis” e participarão de jogos didáticos desenvolvidos a partir da educação nutricional pela equipe de nutrição do Programa Mesa Brasil Sesc nos dias 09, 23, 30 e 31 de outubro, das 09 às 11 horas.

O dia 16 de outubro marca a fundação da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura e em 1979 foi instituído como o Dia Mundial da Alimentação. Este ano é a vez dos funcionários do Makro, empresa parceira do Programa Mesa Brasil Sesc, comemorarem a data com informações sobre o Guia Alimentar da população brasileira a partir da Estação Segurança  Alimentar e Nutricional realizada das 09 às 11 horas.

Indispensável na mesa dos brasileiros, o pão, um dos alimentos mais antigos e mais populares da humanidade, tem o mesmo dia reservado no calendário, mas nesta edição a homenagem do Sesc à data acontecerá no dia 18 de outubro com a doação de pães do Mateus(BR) e farinha do Moinhos de Trigo e distribuição dos alimentos em instituições sociais de diferentes bairros da capital.

A alimentação e a nutrição constituem requisitos básicos para a promoção e a proteção da saúde, possibilitando a afirmação plena do potencial de crescimento e desenvolvimento humano, com qualidade de vida e cidadania.