quinta-feira, 15 abril, 2021
Início Capa Conexão Cultural 4: Inscrições encerram nessa quarta (31)

Conexão Cultural 4: Inscrições encerram nessa quarta (31)

Foi aberto nesta última segunda-feira (29) e vai até esta quarta-feira (31), o período de recurso para artistas que tiveram inscrição inabilitada no edital Conexão Cultural 4.

A submissão de recurso para reavaliação de projetos inabilitados pode ser realizada na plataforma recurso.mapeamento.cultura.ma.gov.br. No site, ao indicar o número de sua inscrição, o candidato pode consultar as pendências cadastrais que indeferiram sua proposta.

Foram diretamente inabilitados os proponentes que não apresentaram qualquer um dos documentos solicitados na fase de inscrição ou anexaram documentos inválidos.

A fase recursal é a oportunidade para que os artistas inscritos corrijam ou completem itens da documentação exigida.

Como submeter o recurso

Os recursos deverão ser encaminhados por meio da mesma inscrição, via sistema. O interessado também deverá anexar o ‘Formulário de Recurso’, devidamente fundamentado.

O modelo de ‘Formulário de Recurso’ está disponível para download no site da Secretaria de Estado da Cultura, o cultura.ma.gov.br. (Acesse o menu ‘Editais’, depois selecione a opção ‘credenciamento cultural’ e, em seguida, clique no link ‘Anexo II – Formulário de Recurso de Habilitação’).

Conforme prevê o edital do Conexão Cultural 4, os Formulários de Recurso precisam conter o mesmo número cadastrado na plataforma de inscrições. Caso contrário, serão automaticamente “desconsiderados” pela Comissão de Credenciamento Artístico e Cultural.

“Formulários de Recurso encaminhados através de nova inscrição, diferente da numeração que deu origem a sua inscrição, serão desconsiderados, não sendo analisados”, diz o edital.
Apenas os itens apontados pelo proponente em recurso serão reavaliados pela Comissão e o andamento da reavaliação pode ser consultado por meio da própria plataforma digital.

Tamanho dos arquivos

O site de recursos do edital Conexão Cultural 4 só aceita documentos com tamanho máximo de 20 MB (megabytes).

O profissional da cultura que teve sua inscrição inabilitada deve, portanto, compilar toda a documentação pendente em um só arquivo, verificando se o tamanho do arquivo a ser anexado não excede a capacidade exigida na página de recursos.

Uma opção é a utilização de sites que oferecem serviços online para ‘combinar’ (unir) e ‘compactar’ (reduzir o tamanho) arquivos PDFs.

Quase 3 mil inscritos

Espetáculo teatral selecionado em edição anterior do Conexão Cultural. Em quatro edições o projeto contemplou produções artísticas dos mais variados gêneros (Foto: reprodução)Lançado no dia 3 de março de 2021 como parte das estratégias adotadas pelo Governo do Maranhão para minimizar os impactos econômicos da pandemia, o edital Conexão Cultural 4 registrou um total de 2.978 inscrições.

Com premiação individual no valor de R$ 1.500,00 para produções artísticas regularmente habilitadas, o edital Conexão Cultural 4 contou com um investimento total na ordem de R$ 1,5 milhão, recurso oriundo do Tesouro Estadual.

Mapeamento Cultural

Para o secretário de Estado da Cultura (Secma), Anderson Lindoso, o grande número de inscritos no Conexão Cultural 4, além de significar apoio econômico a centenas de profissionais durante a crise, garante ampliação do catálogo de artistas cadastrados no Mapeamento Cultural (mapeamento.cultura.ma.gov.br), plataforma que mapeia o cenário cultural maranhense, suas atividades, seus agentes, fazedores de cultura e os produtores culturais locais.

Secretário de Cultura, Anderson Lindoso: “mapeamento agora é permanente”. “Esse mapeamento agora é permanente. Todos os editais lançados pela Secma poderão ser executados por meio do Mapeamento Cultural. Lá o artista já tem uma espécie de currículo. Nós temos agora o ‘curriculum lates’ dos artistas do Maranhão. Evidentemente essa é uma política pública em construção, mas a ideia é que a ferramenta reduza burocracias daqui pra frente”, detalha Anderson Lindoso.

O Mapeamento Cultural é uma plataforma livre, gratuita e colaborativa, também utilizada como ferramenta de compartilhamento das ações da Secma.

Além de divulgar seu portfólio artístico, na plataforma, os fazedores e fazedoras de cultura podem conhecer todos editais lançados pela Secma e participar das chamadas públicas com menor burocracia e pela Internet.

Confira o tutorial

- Publicidade -
Categorias relacionadas:
- Publicidade -

Mais recentes

- Publicidade -