sábado, 13 de agosto de 2022

Dia Mundial do Doador de Sangue: um ato de amor e solidariedade

Foto: Divulgação

Doar sangue, além de um ato de solidariedade que afaga o nosso coração enquanto ser humano, salva vidas. E para lembrar da importância da doação e os benefícios à saúde do doador, que vão desde a redução de risco de
doenças cardíacas, alguns tipos de câncer e a satisfação em promover uma boa ação, é comemorado neste dia 14 de junho, o Dia Mundial do Doador de Sangue.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), avalia que no Brasil, mais de 3,5 milhões de pessoas realizam transfusões de sangue por ano, mas apenas 1,8% da população é doadora, número longe de atingir a meta mínima de 3,5%
estipulada pela OMS.

Segundo a médica clínica geral do Sistema Hapvida, Aparecida Quintanilha, o ato de doar sangue não está relacionado apenas ao ajudar o próximo. Existem estudos que comprovam que a doação de sangue reduz a viscosidade do sangue,
permitindo assim, que os doadores sejam menos propensos a desenvolver doenças do coração. Sem falar que, o processo funciona como uma espécie de limpeza sanguínea.

– Publicidade –

Outros destaques