Encher o tanque “até a boca” e usar flanelas são práticas perigosas

O simples ato de encher o tanque  dos veículos expõe ao frentista a grandes quantidade de benzeno, uma substância química presente na evaporação da gasolina. Outro risco para esse profissional é o uso da flanela para impedir respingos ou limpar a gasolina na lataria dos veículos. O pano absorve o vapor do benzeno e contamina o trabalhador pela pele.

Veja a matéria completa: