sábado, 16 novembro, 2019
Início Capa Estudante conquista medalha de prata em Olimpíada de Robótica

Estudante conquista medalha de prata em Olimpíada de Robótica

Marcus Vinícius de Souza Almeida, estudante do curso técnico em Eletromecânica do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Açailândia conquistou a medalha de prata nacional na modalidade teórica da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). O campus também se destacou na olimpíada, recebendo 18 menções honrosas estaduais na modalidade.

A etapa teórica da OBR é dividida em 6 níveis, que vão desde o nível 0 até o nível 5; este possui duas etapas e é voltado para estudantes do Ensino Médio ou Técnico. A prova possui conteúdo programático das seguintes áreas: Matemática e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, Linguagens e suas Tecnologias (Língua Inglesa), Robótica (Conteúdo específico). Todas as questões são construídas de forma a utilizar mais de um conteúdo, tornando-se interdisciplinares entre si e sempre possuindo, em sua construção, conteúdos relacionados à robótica nas mais diversas áreas, como indústrias, residências, pesquisas atuais, entre outros. “Gostei bastante de participar dessa olimpíada. Já participei de outras relacionadas a apenas uma área do conhecimento, e quando fui apresentado à OBR, achei bastante interessante a interdisciplinaridade da olimpíada e a forma com que ela consegue aproximar conteúdos diversos à robótica e ao dia a dia”, aponta o estudante.

O estudante também é um dos fundadores da Equipe de Robótica Açaímov do Laboratório de Automação, Robótica e Sistemas (LARS) do IFMA – Campus Açailândia, coordenado pelo professor Brehme de Mesquita, e integra a equipe desde 2017. No início, os membros começaram os trabalhos voltados para competições de robótica – como a fase prática da OBR – e outros torneios, a exemplo do Torneio Juvenil de Robótica (TJR). “No começo, minha participação envolvia transitar entre as duas áreas de atuação, tanto montagem de robôs quanto programação, mas sempre trabalhando em equipe com outros colegas e visualizando as melhores formas de se construir um robô. Nesse período, minha equipe e eu fomos apresentados a diversas tecnologias e ferramentas que estão nesse meio, como o Arduino, Impressão 3D, Linguagem C, LEGO Mindstorm, Robô PETE, além de também ler e produzir alguns artigos científicos voltados para a área de robótica. Portanto, devido a essas oportunidades, foi possível ter certo conhecimento aplicado e uma boa resolução de prova, o que resultou na medalha de prata”, relembra Marcus Vinícius.

A afinidade com o curso técnico em Eletromecânica e os aprendizados na Equipe Açaímov estão ajudando Marcus Vinícius a definir planos para a carreira. “A sensação de ter conquistado o prêmio é ótima. Mesmo com todas as responsabilidades de estar no 3° ano do curso e estudando para o vestibular, eu ainda consegui ter bom desempenho na olimpíada, o que me deixa bastante entusiasmado. Os trabalhos desenvolvidos nesse período da minha participação na equipe geraram em mim esse conhecimento aplicado e reconhecido com essa premiação. Pretendo cursar Engenharia Elétrica, e, durante o curso, realizar mais projetos de pesquisa voltados ao campo da Robótica, dando seguimento aos trabalhos que já desenvolvo hoje”, revela o estudante.

Os 18 estudantes que receberam menções honrosas estaduais pela participação na OBR são alunos dos cursos técnicos em Automação Industrial e Eletromecânica:

Tabela com ordem de classificação e premiação obtida

“Como coordenador da equipe e professor do IFMA – Campus Açailândia fico muito feliz pelos resultados alcançados por nossos alunos desde o início de nossas atividades. Esse ano é especial a nós da Equipe Açaímov, pois concluiremos o nosso primeiro ciclo com os membros veteranos, que entraram em 2017, e só tenho a agradecer a confiança e o compromisso assumidos com o projeto. Os prêmios que foram conquistados são um importante legado que eles deixarão como incentivo aos atuais e novos membros”, destaca o professor Brehme de Mesquita.

 

Sobre a Equipe Açaímov

A Equipe Açaímov desenvolve suas ações semanalmente no Laboratório de Automação, Robótica e Sistemas (LARS) do IFMA – Campus Açailândia. Os membros trabalham em desafios práticos propostos pelas principais olimpíadas do conhecimento da área no Brasil – Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) e Torneio Juvenil de Robótica (TJR). Além disso, todos os membros participam anualmente da prova teórica da OBR, além de alunos do 1º ano que pleiteiam uma vaga na equipe. Atualmente, a equipe dispõe de 21 membros discentes.

O coordenador, Brehme de Mesquita, aponta que a equipe busca trabalhar junto aos alunos temas de iniciação científica e projetos para soluções aplicadas utilizando conhecimentos de Robótica, além de produtos para as ações de ensino, pesquisa e extensão do LARS, como um robô educativo que será usado para desenvolver o pensamento computacional em estudantes do ensino fundamental I.

Inicialmente, o nome do grupo era “Asimov”, uma referência ao escritor ficcionista Isaac Asimov, que popularizou a robótica por meio de contos em livros como “Eu, Robô”, nos quais apresenta as leis da robótica que tornam possíveis a coexistência entre robôs inteligentes e humanos. Em 2017, o nome foi mudado para “Açaímov”, uma junção de Açailândia e Asimov, acrescentando a identidade local e mantendo a homenagem ao escritor.

Categorias relacionadas:
- Publicidade -

Mais recentes

Casal morre em colisão de moto e ônibus na Estrada da Raposa

Duas pessoas morreram em um acidente ocorrido na manhã deste sábado (16), na Avenida dos Holandeses, na trecho conhecido como Estrada do Araçagy, no...
- Publicidade -