Filme gravado no Maranhão tem pré-estreia nesta quinta-feira

O filme “O Camelo, o Leão e a Criança”, produzido no Maranhão tem pré-estréia marcada para esta quinta-feira (21) às 20 horas, no Cine Praia Grande. O Longa metragem conta a história de um professor de filosofia da ciência, um ator e diretor de teatro, uma médica e mística que vivem diferentes fases de suas vidas baseadas em histórias reais e relacionadas à tipologia nietzschiana. Inicialmente o projeto seria realizado somente no Paraná, mas teve 80% de sua realização no Maranhão, em São Luís, Barreirinhas (Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses), Carolina e Morros. Nas gravações no Maranhão, o elenco foi composto por atores e figurantes de São Luís e Morros. Parte da equipe técnica também é de São Luís. O filme tem a direção do Diretor e ator Paulo Blitos.

SINOPSE

         “ Três transformações do espírito vos apresento: como o espírito se transforma em camelo, o camelo em leão, e o leão,finalmente, em criança “. (Nietzsche em “Assim Falava Zaratustra”.) É com o espantoso, o estranho e o inusitado, tal como se inserem, de modo geral inadvertidos, no curso da vida cotidiana, que o filme O Camelo, o Leão e a Criança se constrói. Um professor de filosofia da ciência, um ator e diretor de teatro, uma médica e mística vivem diferentes fases de suas vidas (baseadas em histórias reais e relacionadas à tipologia nietzschiana). Cada uma das personagens se depara, em sua linha de vida, com a dimensão do estranho, seja na experiência de discriminação e seu fundo de violência, seja na vertigem do vício e da loucura, seja, ainda, no indizível do transe místico.   O encontro com o real e a comoção que o filme desencadeia exigirão novos modos de pensar, de agir, de existir