sexta-feira, 28 de janeiro de 2022

Auxílio Combustível Governo do Maranhão

Foi divulgado o Índice de Gerente de Compras do setor industrial, IHS Markit Brasil PMI

Foto: Reprodução
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Os dados de novembro apontaram declínios sucessivos na produção industrial, com a taxa de redução acelerando para o nível mais rápido desde maio de 2020. A queda foi associada à escassez de matéria-prima, pressões inflacionárias e condições de demanda fraca.

De acordo com participantes da pesquisa, a incerteza, o aumento das taxas de juros e a alta dos preços restringiram a demanda por seus produtos em novembro. As vendas diminuíram pelo segundo mês consecutivo e a um ritmo mais rápido em um ano e meio. Os dados subjacentes mostraram que os fabricantes de produtos registraram os declínios mais acentuados no volume de novos negócios e no índice de produção dos três subsetores monitorados.

Em meio a relatos de escassez global de matérias-primas, aumento dos custos de transporte e moeda fraca (em relação ao dólar norte-americano), os preços pagos pelos fabricantes brasileiros continuaram subindo em novembro. A taxa de inflação acelerou para o maior patamar em cinco meses e ficou acima de qualquer outra observada.

– Publicidade –

Outros destaques