Homem que atropelou seis pessoas é condenado


Foto: Luís Carlos/Tv Guará

Foi condenado, pelo 2° Tribunal do Júri de São Luís, a seis anos e nove meses de detenção, o homem que atropelou seis pessoas em uma parada de ônibus, no Ceprama, no ano de 2012. Rafael dos Anjos Alves foi condenado pelos crimes de homicídio culposo (de três vítimas) e lesão corporal gravíssima culposa (três vítimas).

A pena deve ser cumprida em regime semiaberto e o réu também teve a Carteira Nacional de Habilitação suspensa por 6 anos. Também foi concedido o direito de apelar em liberdade.

O julgamento foi presidido pelo magistrado Gilberto de Moura Lima, titular da 2ª Vara do Tribunal do Júri de São Luís. A acusação foi feita pelo promotor de justiça Rodolfo Reis.

Relembre o caso

O caso ganhou bastante repercussão em 2012, quando Rafael dos Anjos Alves invadiu a parada e atropelou seis pessoas que aguardavam ônibus em frente ao Centro de Produção Artesanal do Maranhão (Ceprama). Raimunda e Cristianeide morreram na hora e Ronilson falaceu esperando socorro.

As outras três vítimas foram encaminhadas para o Hospital Municipal Djalma Marques, o Socorrão I, em estado grave.

Segundo testemunhas, Rafael teria entrado em desespero quando viu a gravidade do acidente. Ele também sofreu algumas lesões e foi encaminhado para o hospital. Em depoimento prestado à Polícia Civil, ele admitiu ter ingerido bebida alcoólica e ter passado a noite inteira sem dormir.