sábado, 13 de julho de 2024

Hospital da Ilha se torna referência para tratamento de queimados no Maranhão

Pacientes vítimas de queimaduras de segundo e terceiro graus são assistidos na Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ) do Hospital da Ilha. Graças aos esforços das equipes da unidade da rede da Secretaria de Estado da Saúde (SES), os pacientes estão se recuperando. 

“A UTQ é um projeto inovador não só para o SUS do Maranhão, mas também para toda a região Norte e Nordeste do país. Com isso, o Governo do Maranhão concretiza mais um serviço que beneficiará os usuários do SUS acometidos por queimaduras e que necessitam de suporte especializado”, disse o diretor clínico do Hospital da Ilha, Dimitrius Garbis.

Enquanto estiverem em tratamento na unidade, a criança de cinco anos, um jovem de 25 anos e um idoso de 67 anos recebem suporte de uma equipe multiprofissional, formada por enfermeiro estomaterapeuta, cirurgião plástico, médico intensivista, além de psicólogo, terapeuta ocupacional, serviço social, nutricionista e fisioterapeuta.

Tatiane Correia, de 25 anos, está acompanhando o marido, também de 25 anos, vítima de queimaduras de segundo e terceiro graus, provocadas por choque elétrico. O casal é natural do município de Anajatuba e deram entrada na UTQ, nesta quarta-feira (17), após transferência do paciente de Peritoró para São Luís. “A equipe está sendo muito boa conosco. A alimentação impecável e o tratamento também estão sendo muito bons”, disse Tatiana.

Acompanhando a filha de cinco anos, Josiane Carneiro, de 33 anos, relatou que a criança sofreu queimaduras de segundo grau depois de um acidente doméstico, nesta terça-feira (16). A criança foi levada para o Hospital Municipal Dr. Clementino Moura, o Socorrão II, e regulada para a UTQ do Hospital da Ilha, nesta quarta. “Assim que chegamos aqui pude perceber a diferença no tratamento, principalmente no cuidado com a minha filha e a paciência. Eu me sinto bem melhor e mais aliviada”, disse Josiane.

De acordo com a coordenadora da UTQ, Silvia Pinheiro, o suporte multiprofissional será feito em regime de 24 horas. “Após a recepção e primeiros cuidados, o paciente é colocado em um dos leitos de enfermaria, sendo feitas as trocas de curativo conforme a necessidade. Sem dúvidas a unidade irá contribuir para uma melhor recuperação das vítimas, que não mais precisarão ir para outras localidades”, explicou.

A unidade conta com uma Sala de Cinesioterapia, útil no processo de recuperação motora com oferta de exercícios terapêuticos, e Sala de Balneoterapia, espaço adaptado para realizar banhos e trocas de curativos de forma segura e confortável para os pacientes. 

A UTQ dispõe de uma Câmara Hiperbárica exclusiva. Semelhante a uma cama vedada com oxigênio puro, sua função é aumentar a pressão atmosférica com a quantidade de oxigênio transportado pelo sangue, acelerando a cicatrização e evitando infecções e atrofias musculares.

Unidade de Tratamento de Queimados

Entregue pelo governador Carlos Brandão e o secretário de Estado da Saúde, Tiago Fernandes, no dia 2 de maio deste ano. A UTQ dispõe de 19 leitos, sendo 6 pediátricos e 13 adultos, dentre eles dois de estabilização. O serviço é responsável por fazer o atendimento com apoio dos leitos de UTI Adulto e Pediátrico do hospital.

A unidade funcionará como retaguarda para pacientes oriundos dos serviços de urgência e emergência de todo o Maranhão, através da Central de Regulação de Leitos, conforme o protocolo de acesso estabelecido pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

– Publicidade –

Outros destaques