sábado, 13 de julho de 2024

Humberto de Maracanã morre aos 75 anos, em SL

Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Carlos Macieira, com infecção generalizada desde o fim de semana.

 

Morreu na tarde desta segunda-feira (19) o cantador de toadas de bumba meu boi, Humberto de Maracanã, de 75 anos. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Carlos Macieira, com infecção generalizada desde o fim de semana.

 

De acordo com a assessoria do Governo do Estado do Maranhão, Humberto Barbosa Mendes, mestre do boi de Maracanã desde 1972, foi submetido a uma cirurgia para amputação do membro inferior esquerdo. Após o procedimento, ele apresentou melhora no quadro de infecção, mas o estado de saúde continuou grave.

 

O anúncio do falecimento foi feito agora há pouco pelo titular da Secretaria de Estado da Articulação Política e Assuntos Federativos, Marcio Jerry, através de sua conta no Twitter. Por meio da rede social, Jerry ressaltou a importância de Humberto Maracanã para a cultura maranhense.

 

 

Veja na íntegra a nota de pesar divulgada pelo Governo do Maranhão:

 

O Governo do Maranhão externa pesar pela morte do mestre do Boi de Maracanã Humberto Barbosa Mendes e decreta luto oficial de três dias.

 

Humberto de Maracanã, como era conhecido, era mestre do boi desde 1972. O cantador acompanhava a tradição do boi desde a infância, quando, já aos 12 anos, começou a atuar como compositor e intérprete. Tornou-se cantador aos 34 anos e era reconhecido pelo Ministério da Cultura como Mestre em Cultura Popular. 

 

Humberto nasceu em 2 de novembro de 1939 e faleceu às 16h10 desta segunda-feira (19) por falência múltipla dos órgãos em decorrência de choque séptico.

 

A família de Humberto de Maracanã informou que o velório ocorrerá inicialmente na casa do cantador de onde seguirá para a quadra do Boi de Maracanã. Sobre o enterro, a família ainda não decidiu o local.

 

– Publicidade –

Outros destaques