Inflação em São Luís nas alturas

Gasolina puxa para cima IPCA na capital maranhense que tem terceiro maior índice inflacionário acumulado no ano entre regiões pesquisadas


 

Das 16 Regiões Metropolitanas pesquisadas pelo IBGE para monitoramento de preços de produtos e serviços, a capital maranhense obteve o sexto maior índice de inflação, no mês de maio,de acordo com os dados do IPCA (Índice de Proteção ao Consumidor Amplo) divulgado neste sábado (8). São Luís teve registro de 0,25% acima da média nacional que ficou em 0,13%.

Segundo o levantamento conduzido pelo IBGE, a maior variação mensal ficou por conta do preço da gasolina, que apresentou alta de 4,93%. O litro do combustível chegou a ser comercializado na capital maranhense por até R$ 4,80, o que pressionou o indicador. Além disso, apresentaram alta os preços de hortaliças e verduras (+3,45%); Tecidos e armarinhos (+2,29%); e cama, mesa e banho (+2,29%).

Ainda de acordo com o IPCA, a inflação acumulada nos primeiros cinco meses do ano em São Luís foi a terceira maior entre as Regiões Metropolitanas pesquisadas, com alta de 3,02% ficando atrás somente de Fortaleza (+3,04%) e Aracaju (+3,22%). A média nacional até agora ficou em 2,22% segundo o levantamento.