quinta-feira, 23 de setembro de 2021

lá dentro do que então se supunha – Alberto Pucheu

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

lá dentro do que então se supunha

Vidas rasteiras
difícil saber
se é uma súplica
ou uma ordem
o que quase todos dizem
ter sido uma súplica
entretanto alguém
num dia qualquer
sem mais nem menos
afirmou e antes
que o que dissera
em vão se perdesse
outro registrou
em seu mais do que
famoso tratado
que o que aquele disse
foi que não seria
prece mas sim ordem
não seria súplica
mas imperativo
o primeiro verso
aquele da musa
de um poema antigo
isso que ele disse
entretanto não
era erro nem
visava atingir
a musa não nada
contra ela o acerto
do que ele disse era
apenas um lance
da linguagem da
poesia em dizer
o que não foi dito
lá dentro do que
até então se supunha
o único exclusivo
sentido do dito

Alberto Pucheu

Alberto Pucheu
ALBERTO PUCHEU publica livros de poemas e ensaios. Dentre os primeiros, A fronteira desguarnecida; poesia reunida 1993-2007, mais cotidiano que o cotidiano e Para quê poetas em tempos de terrorismos?. Como ensaísta, publicou, entre outros, Pelo colorido, para além do cinzento; a literatura e seus entornos interventivos, Giorgio Agamben: poesia, filosofia, crítica e a poesia contemporânea. Organizou Não pararei de gritar, de Carlos de Assumpção, com quem fez um documentário. Realizou outros documentários com os poetas Leonardo Fróes e Vicente Franz Cecim, além da série Autobiografias poético-políticas. Escreve em jornais e revistas com atuação frequente na Cult, tendo feito a curadoria do primeiro número da Cult Antologia Poética.

O programa Fada Verde de hoje, na Rádio Guará ( https://portalguara.com/radio/ ) apresenta o poema “Em off”, de Alberto Pucheu. O programa vai ao ar, ao vivo, toda terça-feira, das 20h, às 22h. É apresentado pelo jornalista e escritor Geraldo Iensen.

– Publicidade –

Outras publicações