sábado, 13 de julho de 2024

Lava Jato: mais 10 empresas serão investigadas pela PF

O delegado Eduardo Mauar, chefe da investigação da Operação Lava Jato, determinou que a Polícia Federal abrisse mais dez inquéritos para investigar empresas suspeitas de participar do esquema de corrupção em contratos com a Petrobras, investigando também possíveis envolvimentos de diretores e funcionários nos desvios.

 

 

Serão investigadas, segundo a Polícia Federal, as empreiteiras Setal Engenharia, Andrade Gutierrez, MPE Montagens e Projetos Especiais, Promon Engenharia, Alusa Engenharia S/A, Techint Engenharia e Construção S/A, ShankaBrasil, GDK, Schahin Engenharia e Christiani Nielse Engenharia.

 

 

Segundo depoimentos de deleção premiada, colhidos na última fase da operação Lava jato onde executivos das empreiteiras Engevix, OAS, Galvão Engenharia, Mendes Júnior, Camargo Correa e UTC Engenharia e UTC Engenharia se tornaram réus, as empresas são acusadas de formação de cartel em contratos coma Petrobas.

– Publicidade –

Outros destaques