sexta-feira, 14 de maio de 2021

Lobão afirma que MDB deve continuar com a Presidência do Senado

Lobão afirma que MDB deve continuar com a Presidência do Senado

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Após receber o título de cidadão piauiense e teresinense, o senador Edison Lobão (MDB) afirmou em entrevista que acredita que a presidência do Senado Federal deve continuar com o seu partido.

“Se o MDB escolher pacificamente o representante, com os demais partidos a tendência é que todos se ajustem para as outras posições na mesa do senado. Essa é a tradição e é o que está desenhado”, disse o parlamentar maranhense durante entrevista.

Vale ressaltar que Edison Lobão não foi reeleito e deve sair do Senado após 24 anos representando o Maranhão na Casa Legislativa. A partir de 2019, o Estado será representado por Weverton Rocha e Eliziane Gama, que se juntam a Roberto Rocha.

Além disso, Lobão comentou as pautas importantes na Casa e destacou a reforma da Previdência como a de maior urgência. “É preciso fazer uma reforma da previdência. É a principal pauta. Do modo que está ela vai quebrar ela mesma e o país”, comentou.

Senado Federal e MDB

Nos últimos 33 anos, o comando do Senado esteve com o MDB (anteriormente PMDB) por 29 anos, apenas nos quatro anos de Antônio Carlos Magalhães (1997-2001) a Casa esteve sob comando do PFL. Neste período, o maranhense José Sarney foi presidente por quatro mandatos, que totalizaram oito anos.

Outros nomes famosos do partido comandaram o Senado como Humberto Lucena (Paraíba), Mauro Benevides (Ceará), Jader Barbalho (Pará) e Renan Calheiros (Alagoas). Atualmente, a Casa é comandada por Eunício Oliveira.

Homenagens

Sobre as homenagens que recebeu no Piauí, Lobão disse que se considera um piauiense. Morou na infância em Floriano e como ministro contribuiu para a ampliação do Programa Luz Para Todos no Estado.

“Eu já me considerava piauiense. Morei 10 anos de minha juventude em Floriano. Ainda hoje tenho uma irmã que mora em Floriano. Tenho obras realizadas aqui. Em consequência disso a Assembleia e a Câmara me concederam essas homenagens”, afirmou.

O senador recebeu o Título de Cidadão Piauiense na manhã desta segunda-feira (19)  em solenidade concorrida na Alepi. A honraria foi concedida através de projeto de Decreto Legislativo de autoria do deputado Zé Santana (MDB).

 

Com informações de TV Cidade Verde*

– Publicidade –

Outros destaques