terça-feira, 4 de outubro de 2022

Maranhão não vai parar vacinação de adolescentes

Decisão ocorre apesar da orientação do Ministério da Saúde, que pediu para postergar imunização em adolescentes de 12 a 17 anos.

Apesar das novas orientações do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o Maranhão continuará vacinando adolescentes de 12 a 17 anos com e sem comorbidades. A informação foi publicada na quinta (16) pelo secretário de Saúde do MA, Carlos Lula.

A orientação de suspensão foi publicada em nota técnica pelo Ministério da Saúde no dia 15. Para Queiroga, as reações adversas neste público ainda não estão claras. “Absurdo é pouco para adjetivar essa decisão. O Ministério da Saúde jogou hoje na lata de lixo o que restava do PNI”, postou Carlos Lula em seu Twitter.

O secretário, que também é presidente do Conselho Nacional de Secretários da Saúde (CONASS), enviou ofício ao presidente da ANVISA, Antônio Barra Torres, solicitando posicionamento imediato da entidade acerca da vacinação de adolescentes.

“Entendemos que a vacinação dos adolescentes cumpre importante papel na estratégia de controle da pandemia do Brasil”, diz o documento, que também pede a antecipação da segunda dose para oito semanas, concluir a vacinação da população adulta e avançar na vacinação de adolescentes com e sem comorbidades.

– Publicidade –

Outros destaques