sexta-feira, 9 de dezembro de 2022

Maranhense de Loreto é encontrada morta no Tocantins

Uma maranhense natural da cidade de Loreto foi encontrada morta nesse sábado (3), em Araguaína, no Tocantins. O corpo de Cintia Gomes da Silva, de 29 anos, foi achado por parentes do marido, Joarez Felix da Silva, de 28 anos, principal de suspeito de cometer o crime, segundo a polícia.

 

 

Na noite dessa sexta-feira (2), Joarez Felix, pelo telefone, teria dito à irmã que “tomaria uma atitude e que todos iriam ficar sabendo”. Assustados com o estado no qual se encontrava o homem, parentes se deslocaram para a casa do familiar e foram surpreendidos com o corpo de Cintia Gomes, ensanguentado, sobre a cama.

 

 

Ainda segundo a polícia, após cometer o crime, o suspeito, com batom, escreveu um recado e deixou no espelho de um guarda-roupa, no quarto do casal. Na mensagem, o homem teria justificado a falta de amor como causa para o assassinato da esposa. “Amava demais. Ela nunca gostou de mim”, disse o suspeito.

 

 

De acordo com a perícia, Cintia Gomes pode ter morrido por causa de uma pancada na região da cabeça. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Araguaína, o IML, onde deve ser esclarecida a real causa da morte. Ainda não há pistas do suspeito, mas as buscas continuam sendo feitas pela polícia, em toda a região.  

– Publicidade –

Outros destaques