terça-feira, 6 de dezembro de 2022

Morador de rua está em estado grave, diz Semus

 

 

Um morador de rua identificado como Ivaldo Canário de Souza foi queimado enquanto dormia numa praça na Rua de São Pantaleão. De acordo com populares o crime aconteceu no início da manhã desta sexta-feira (2).O autor da ação fugiu após atear fogo no homem, mas voltou logo em seguida para tentar matar “Chitara”, como é conhecido na região, com uma faca.

 

Pessoas que passavam pelo local evitaram o assassinato do morador de rua que teve cerca de 60% do corpo queimado e foi levado ao Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I). A polícia procura o autor da tentativa de homicídio.

 

Em nota, a Secretaria de Saúde do município corrigiu o percentual de queimaduras na vítima e disse que seu estado de saúde é grave.

 

Veja a nota, a seguir:

 

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informa que o morador de rua Ivaldo Canário de Souza deu entrada no Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I), na manhã desta sexta-feira, dia 2. O referido paciente foi vítima de queimaduras e teve 80% do corpo queimados. Ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e seu estado de saúde é considerado grave. 

– Publicidade –

Outros destaques