quarta-feira, 12 de maio de 2021

Moradores incendiam galpão e ônibus após triplo assassinato

Moradores incendiam galpão e ônibus após triplo assassinato

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Moradores do povoado Mato Grosso, na Zona Rural de São Luís, atearam fogo em dois ônibus e no almoxarifado de uma das construtoras no canteiro de obras de um residencial do ‘Minha Casa, Minha Vida’ na região, após encontrarem os corpos dos jovens Gustavo Feitosa Monroe, 18 anos; Joanderson da Silva Diniz, 17, e Gildean Castro Silva, 14, executados com tiros na cabeça.

Segundo moradores as manifestações ocorreram devido à suspeita de que vigilantes de uma das empresas privadas, que fazem a segurança da obra, tenham sido os autores do assassinato dos três adolescentes.

Além de atearam fogos nos veículos e no almoxarifado populares depredaram algumas das casas do condomínio quebrando portas, janelas e pias dos imóveis que estão sendo construídos. Os moradores ainda bloquearam ruas do bairro com galhos para impedir a passagem de veículos. O triplo homicídio está sendo investigado pela Superintendência Estadual de Investigação de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP).

– Publicidade –

Outros destaques