domingo, 25 de setembro de 2022

Nove envolvidos em tortura e morte de pessoa com deficiência intelectual são presos no MA

Uma operação Polícia Civil deu início a Operação “Volta Cessada”, onde foram cumpridos nove mandados de prisão preventiva contra de integrantes de facção criminosa, em razão da prática dos crimes de homicídio, tortura, organização criminosa e ocultação de cadáver.

Na tarde do dia 23 de julho, a vítima Vianey Ailton Chagas, jovem com deficiência intelectual, fugiu da sua residência, localizada no Residencial Novo Horizonte, em Paço do Lumiar, quando entrou uma região dominada por faccionados.

Na ocasião, a vítima foi submetida a espancamentos e levada até um campo de futebol, no sítio de “Seu Carneiro”, situado na Vila Temer, onde foi torturada até a morte. Após o brutal crime, o corpo do deficiente mental foi despejado em um matagal na Pirâmide, também Paço do Lumiar. A vítima teve a cabeça esfacelada com o uso de pedras.

Após investigações, foi possível identificar nove homens suspeitos do crime. Todos foram presos e capturados no município de São José de Ribamar, também localizado na região metropolitana de São Luís. Após os procedimentos de praxe, os nove presos foram encaminhados ao Sistema Penitenciário Pedrinhas, em São Luís, onde permanecerão à disposição da Justiça.

– Publicidade –

Outros destaques