terça-feira, 28 de novembro de 2023

SJR: ocupações irregulares são retiradas de Área de Proteção

Técnicos da Prefeitura de São José de Ribamar realizaram nesta sexta-feira (21) operação que resultou na retirada de ocupações irregulares que estavam sendo construídas ilegalmente em uma Área de Proteção Permanente (APP) localizada nas imediações do Residencial Turiúba, conjunto habitacional construído pelo Governo Federal na região da Sede do município. 

A operação contou com as participações de funcionários das Secretarias Municipais de Meio Ambiente; Obras, Habitação e Serviços Públicos; Receita, Urbanismo e Patrimônio Público Imobiliário; Transporte Coletivo, Trânsito e Defesa Social; além de homens da Polícia Militar. 

O terreno, além de figurar como uma APP e estar próximo de um manguezal, pertence ao município e estava sendo invadido por várias pessoas, a maioria grileiros, segundo informações dos próprios moradores do Turiúba, que já estavam construindo pequenos casebres com o objetivo de comercializá-los. Em outra situação, terrenos já haviam sido demarcados utilizando arame farpado. 

No momento da operação, deflagrada no período da manhã, nenhuma das pessoas que estavam devastando a área e construído irregularmente as ocupações encontravam-se no local. 

Os técnicos da Prefeitura também notificaram algumas pessoas que implantaram irregularmente na área interna do Turiúba, em especial na chamada região da feira, estabelecimentos comerciais. 

A administração do prefeito Gil Cutrim vem constantemente promovendo ações de combate à prática de crimes ambientais no município de São José de Ribamar. Na última quarta-feira, por exemplo, funcionários da SEMMA, com o apoio do Batalhão Florestal da Polícia Militar do Maranhão e Delegacia de Meio Ambiente, coibiram crime ambiental que estava sendo praticado por populares em uma área de encosta localizada em Panaquatira, um dos mais belos e importantes pólos turísticos de Ribamar e da Grande Ilha.

Cerca de 30 pessoas estavam devastando (queimando e desmatando) uma área de aproximadamente dez hectares situada próxima das falésias do pólo turístico. 

Denúncias sobre crimes ambientais na cidade podem ser feitas à Secretaria Municipal de Meio Ambiente através do telefone 3224 0107 ou via e-mail (semma@sjr.ma.gov.br) 

– Publicidade –

Outros destaques