sábado, 16 novembro, 2019
Início Assista Agora Quadrilha que pretendia sequestrar família de gerente de banco é presa

Quadrilha que pretendia sequestrar família de gerente de banco é presa

Oito pessoas acusadas de planejar uma ação criminosa, que pretendia sequestrar familiares do gerente de uma Instituição financeira, foram presas em Bacabal e Poção de Pedras, onde seria cometido o crime. Um adolescente estava entre os suspeitos e também foi apreendido.

Após investigações, os policiais conseguiram abordar os suspeitos antes que eles executassem a ação. Eles foram identificados como Anderson da Silva Viana o “Dudu”; Ronildo Freitas Mendes o “Índio Bravo”; Moisés Lopes de Moraes; Pedro Alves Sousa Oliveira; o “Pedrinho”, Lucas Cardoso assunção; Wanderson Aguiar da luz, o “Juninho”; Cleidiane Cordeiro da Silva a “Loura” e um adolescente infrator.

Segundo informações da polícia, Anderson da Silva Viana, o “Dudu”, já possuía Mandados de Prisão pelas comarcas de Timon e Buriticupu. Já Ronildo Freitas Mendes, o “Índio bravo”, é foragido da Justiça do Estado do Pará, e responde vários processos criminais naquele Estado.

A Polícia Civil do Maranhão, por meio da Superintendência de Investigações Criminais (SEIC), em operação conjunta com as Delegacias Regionais de Bacabal e Pedreiras, e com o apoio operacional do Centro Tático Aéreo (CTA) e do Batalhão de Operações Policiais (BOPE), identificaram e cercaram a quadrilha; resultando na prisão dos mesmos na tarde do dia 1 de novembro.

O crime que seria cometido pelo grupo é conhecido como “Sapatinho”, pois consiste em sequestrar parentes de funcionários de uma instituição Financeira.

“As investigações iniciaram desde o dia 07 de agosto, quando aconteceu o crime de extorsão mediante na Cidade de Buriticupu, onde o preso Anderson da Silva Viana, o “Dudu”, teria sequestrado os familiares do gerente do Banco do Brasil. Sendo que por um erro na execução do plano criminoso, não conseguiram efetuar o plano”, afirmou o Superintendente da Seic, o Delegado Armando Pacheco.

Depois de serem apresentados em coletiva, eles foram encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde permanecerão à disposição da Justiça. O adolescente infrator fora encaminhado para a Delegacia do Adolescente Infrator (Dai).

- Publicidade -

Mais recentes

Casal morre em colisão de moto e ônibus na Estrada da Raposa

Duas pessoas morreram em um acidente ocorrido na manhã deste sábado (16), na Avenida dos Holandeses, na trecho conhecido como Estrada do Araçagy, no...
- Publicidade -