sábado, 13 de agosto de 2022

RACISMO! Atacante Ygor Catatau é alvo de preconceito depois do empate contra a Ponte

O atacante Ygor Catatau do Sampaio Corrêa foi vítima de racismo logo após a partida do tricolor contra a Ponte Preta. A partida terminou empatado em 0x0 e marcou o oitavo jogo fora de casa do Sampaio que ainda não sabe o que é vencer longe de São Luís.

Catatau teve a melhor oportunidade da partida de marcar o gol da vitória do seu time e sozinho sem goleiro mandou a bola para fora. O atacante foi bastante criticado nas redes sociais do Sampaio Corrêa, mas um usuário passou do tom e usou de palavras preconceituosas e racistas para cobrar o jogador.

A página Futebol do Maranhão foi quem primeiro relatou esse crime por meio do seu Twitter

O vice-presidente do Sampaio Corrêa, Pérez Paz, se manifestou e afirmou que vai tomar as devidas providências para identificar o culpado (a) e aciona-lo (a) na justiça.

Vale ressaltar que racismo é crime previsto em lei 7.716/89 com detenção que pode chegar até cinco anos de reclusão.

O Sampaio Corrêa volta a campo na próxima segunda-feira (27) contra o CSA no Estádio Castelão.

– Publicidade –

Outros destaques