sexta-feira, 4 dezembro, 2020
Início Destaque 2 Renda média do maranhense no 3º trimestre deste ano cai em comparação...

Renda média do maranhense no 3º trimestre deste ano cai em comparação a 2018

Quando se compara 2019 com 2018, os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) mostram que o rendimento do maranhense diminuiu. No terceiro trimestre do ano passado, a renda média de um trabalhador no Maranhão era R$ R$ 1.363,00 e no mesmo período deste ano caiu para R$ 1.333,00.

Já na comparação do terceiro trimestre deste 2019 com o segundo, quando a renda média era de R$ 1.321,00, houve um ligeiro ganho real de 0,9 ponto percentual. A PNAD foi divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e acompanha as alterações de modo trimestral.

De acordo com a pesquisa, a taxa de desocupação no Maranhão, no terceiro trimestre de 2019, foi de 14,1%, mas considerando o resultado para o trimestre anterior, quando foram registrados 14,6%, percebe-se ligeira redução. A taxa do estado ficou também menor que a do Nordeste, que apontou 14,4% de desocupação no terceiro trimestre.

Já na comparação com o mesmo trimestre de 2018, observa-se que a taxa teve leve aumento em 2019. No terceiro trimestre de 2018, a taxa do Maranhão foi de 13,7%.

Além dos números referentes à desocupação, a PNAD Contínua revelou, ainda, que o número de pessoas que desistiram de procurar trabalho, os desalentados, aumentou no Maranhão, em 2019. No terceiro trimestre de 2018, o estado apresentava 523 mil pessoas desalentadas. Já no terceiro trimestre de 2019, 592 mil pessoas encontravam-se nessa situação.

O Maranhão é o segundo estado com o maior número de desalentados no País. Apenas a Bahia apresentou maior quantidade (781 mil pessoas). Embora, os números para o Brasil revelem que a quantidade de pessoas desalentadas no terceiro trimestre de 2019 (4.703.000) foi menor que a quantidade registrada no mesmo trimestre de 2018 (4.734.000).

- Publicidade -
Categorias relacionadas:
- Publicidade -

Mais recentes

Eduardo Braide, do Podemos, é eleito prefeito de São Luís

Braide teve 270.557 dos votos válidos (55,53%) contra 216.665 (44,47%) de Duarte Jr (Republicanos)
- Publicidade -