terça-feira, 6 de dezembro de 2022

Retrospectiva do Facebook faz usuários sofrerem com tragédias

Nas últimas semanas, o feed dos usuários do Facebook foi tomado por uma série de retrospectivas de como foi o ano dos seus amigos. A ferramenta dispobibilizada pela rede social agradou a maioria dos usuários, mas também revelou algumas histórias trágicas. É o caso da retrospectiva do consultor de web design e escritor Eric Meyer. A postagem no perfil de Meyer mostrava o rosto de sua filha, Rebecca, de 6 anos, que faleceu em junho deste ano.

 

Em um depoimento feito em seu blog , o pai comenta a sensação que teve ao ver a postagem com a foto da filha ao lado de ilustrações de pessoas dançando.

 

— Eu não estava procurando por tristeza nesta tarde, mas ela me encontrou de qualquer forma. E eu tenho que agradecer designers e programadores por isso. Nesse caso, os designers e programadores em algum lugar do Facebook.

Meyer ainda comentou que o algoritmo da companhia leva em conta o engajamento, número de curtidas, comentários e compartilhamentos que suas fotos têm. Isso significa, que uma foto em que uma pessoa expressa luto, pode também ter destaque na retrospectiva.

— Para aqueles de nós que viveram um ano de perda de pessoas queridas ou que passaram um longo tempo no hospital, ou mesmo foram atingidos por um divórcio ou a perda do emprego ou qualquer uma das centenas de crises, talvez não seja uma boa ideia revisitar o ano que passou.

 

O consultor de design ainda afirma que os programadores da rede social levaram em conta apenas o usuário ideal, “o otimista, feliz e boa-vida”

De acordo com o Washington Post, o gerente de produto da retrospectiva do Facebook, Jonathan Gheller, pediu desculpas pessoalmente à Meyer.

— [O app] foi maravilhoso para muitas pessoas, mas claramente neste caso nós causamos a ele mais tristeza do que alegria. Nós podemos fazer melhor – estou muito grato que ele tenha tomado seu tempo de luto para escrever o post.

Outros usuários também criticaram o Facebook por dar destaque excessivo ao seu aplicativo no feed de notícias da rede social.

– Publicidade –

Outros destaques