domingo, 24 de setembro de 2023

Robert marca duas vezes, Sampaio empata e continua na liderança

O time sergipano marcou duas vezes com Júnior Bahia e Robert empatou para o Sampaio Corrêa

 

Socorrense e Sampaio Corrêa subiram ao gramado do Presidente Médici, nesta quinta-feira (12,) para duelarem pela segunda rodada do Grupo B na Copa do Nordeste de 2015. O Siri sergipano deixou escapar a vitória, e a liderança do grupo. Quem agarrou a chance foi a Bolívia Querida, que aos 46 minutos do segundo tempo conseguiu empatar a partida e se garantir na liderança do Grupo B.

O time sergipano marcou duas vezes com Júnior Bahia e Robert empatou para o Sampaio Corrêa. Apesar do empate, o goleiro Emanuel e o meia Daniel Caiçara também tiveram grandes atuações na partida.

Jogando longe de seu estádio e com pouca torcida, devido a uma questão burocrática para liberação de público, já que o laudo do Corpo de Bombeiros chegou depois do prazo à CBF, que só permitiu a venda de ingressos com o documento em mãos, o Socorrense entrou em campo com uma tática em mente, se defender e buscar o contra-ataque.

E foi dessa forma que o Siri chegou ao gol. Aos 20 minutos, logo após uma boa chegada do Sampaio, que parou no goleiro Emanuel, Thiago Orobó lançou Daniel Caiçara, que ganhou na corrida e rolou para Júnior, que marcou um belo gol, para abrir o placar para os donos da casa. A equipe maranhense tentou chegar ao empate, mas o goleiro do Socorrense, Emanuel, protegeu muito bem a meta sergipana.

No segundo tempo, o Sampaio Corrêa se lançou de vez ao ataque. Aos 13 minutos, quase surtiu efeito. O lateral-esquerdo da equipe sergipana, Índio, parou o ataque da Bolívia Querida, com um carrinho, mas a bola foi cortada pela mão do jogador. O árbitro não viu e não assinalou o pênalti claro. Sete minutos depois o golpe fatal contra os maranhenses. Em contra-ataque, Daniel Caiçara ganhou novamente da defesa na velocidade e rolou para Júnior, que não perdoou e balançou as redes. O Sampaio Corrêa sentiu o golpe, mas não parou de atacar. E foi recompensado, e salvo, por seu artilheiro, Robert.

Aos 42 minutos, o atacante sofreu e converteu o pênalti, cometido pelo lateral-direito Ailton. O Sampaio Corrêa se empolgou e aos 46 minutos, já nos acréscimos, Robert, novamente, balançou as redes sergipanas, para garantir o empate e a liderança do Grupo B para o campeão maranhense.

– Publicidade –

Outros destaques