quinta-feira, 6 de outubro de 2022

Sampaio tem três propostas para vender 50% dos direitos de sua SAF

Assembleia geral Sampaio Corrêa/ Foto: ASCOM Sampaio

A diretoria do Sampaio Corrêa se reuniu na manhã de domingo (3) no CT José Carlos Macieira para deliberar sobre a possibilidade venda de 50% das cotas, referentes ao desenvolvimento da Sociedade Anônima do Futebol (SAF).

Em duas reuniões realizadas, do Conselho Deliberativo do clube e posteriormente Assembleia Geral, foram apresentadas as propostas de três grupos de investidores estrangeiros interessados e o formato do negócio.

Segundo o presidente Sérgio Frota, foi uma Assembleia importante, pois clareou o andamento das negociações e direcionou o caminho exato que o clube precisa trilhar para chegar a uma definição.

“Nós analisamos às três propostas de investidores que temos na mesa, e agora vamos partir para a fase de definições, conforme o que for definido com o consenso de todos. É um momento importante, porque todos os clubes vão se reforçar, quando a janela abrir, e nós, também, precisamos nos movimentar.”, frisou o presidente boliviano.

Perez Paz, diretor jurídico e vice-presidente da Bolívia, detalhou sobre a reunião do Conselho Deliberativo e da Assembleia Geral:

“Com às três propostas na mesa, estabelecemos critérios para aprovação, com o aval sobre os critérios necessários, e agora vamos sentar com os investidores para analisar as melhores condições para o clube. A nossa ideia é que o negócio, quando fechado, traga recurso ainda em 2022, pois uma parte a gente precisa com certa urgência para reforçar o time e tomar as providência necessárias para fazer uma boa Série B”, esclareceu.

Perez ressaltou que se alguns desses grupos aceitarem os critérios, o negócio está apto para ser fechado imediatamente. Caso contrário, será preciso convocar uma nova reunião.

– Publicidade –

Outros destaques