segunda-feira, 22 de julho de 2024

Servidores da Santa Casa fazem paralisação

Cerca de 40 servidores da Santa Casa de Misericórdia fizeram uma paralisação de advertência, na manhã desta sexta-feira (30), em frente a entrada principal da unidade de saúde, que fica localizada na Rua do Norte, região Central de São Luís.

 

Segundo o Sindsaúde (Sindicato de Saúde do Maranhão), os profissionais alegam atraso no pagamento dos salários; falta de ajuda de custo, como vale-transporte e ticket alimentação, e muitos estão vivendo de outros empregos. “A grande motivação são é o atraso dos salários. E, principalmente, condições de trabalho, porque alinhado com o salário devem existir condições de trabalho para todos que estão no hospital há muito tempo. Se não tiver outro vinculo ou um parente que ajude, está com tudo atrasado”, disse Dulcimeire Sarmento, presidente do Sindsaúde.

 

A categoria tentou reunir-se com a direção do hospital, mas não teve êxito. Ainda de acordo com Sindsaúde, o presidente da unidade teria dito que a Prefeitura de São Luís não fez o repasse do dinheiro, o que teria acarretado no atraso dos pagamentos. “Todo ano, todo mundo sabe que o orçamento fecha. Então, por que não se precaver? Essa história de dizer que o SUS não repassou, não dá mais para suportar”, afirmou, indignada, a representante do Sindsaúde.

 

Os trabalhadores disseram que, caso suas reivindicações não sejam atendidas, uma paralisação geral poderá ser iniciada nos próximos dias.

 

Assista a reportagem:

– Publicidade –

Outros destaques