quarta-feira, 17 de abril de 2024

4 partidos vão ter o tempo de propaganda partidária gratuita reduzido

Os partidos PTB, PMN, PSB, PSC e PP vão ter o tempo de propaganda partidária gratuita reduzido. A decisão da Justiça Eleitoral acolhe pedidos da Procuradoria Regional Eleitoral, que constatou que estes partidos usaram seus tempos de forma irregular, no primeiro semestre do ano passado.

A punição foi  pelos partidos terem utilizado seus tempos de inserção partidária para promover pré-candidatos à Prefeitura Municipal de São Luís nas eleições de 2016.

Os deputados estaduais Wellington do Curso (PP), Bira do Pindaré (PSB), e Eduardo Braide (PMN) utilizaram com frequência as inserções de seus partidos em emissora de televisão para promoção do próprio nome. Na época já estavam postos como pré-candidatos a prefeito de São Luís, projeto efetivados por todos eles.

A Procuradoria Regional Eleitoral aponta na representação que PP, PSB e PMN desvirtuarem “a propaganda partidária, cuja finalidade é promover as ideias e programas do partido, e não ser usada como instrumento de promoção pessoal de qualquer filiado”.

PTB e PSC também foram penalizados, mas por liberarem as inserções para o pré-candidato Edivaldo Holanda Júnior, filiado ao PDT.

– Publicidade –

Outros destaques