sábado, 4 de fevereiro de 2023

Assassino vai responder por homicídio doloso

O motorista do carro que bateu contra o veículo onde estava a família de Laura Marão deve depor, novamente, até o fim da próxima semana. Laura tinha 8 anos e morreu quatro dias depois de o carro dirigido por Carlos Diego Araújo Almeida, de 22 anos atingir violentamente o veículo no qual seguiam ela, seus irmão e seu pai durante a madrugada, na Avenida Jerônimo de Albuquerque.

 

Segundo a delegada responsável pela Delegacia de Acidente de Trânsito, Valéria Beirouth, o crime pode ser investigado, a partir da morte de Laura, como homicídio culposo. Carlos Diego não fez o teste do bafômetro, mas admitiu em depoimento, segundo a polícia, ter ingerido bebida alcóolica.

 

A morte de Laura causou comoção na população maranhense e nas redes sociais várias pessoas demonstraram indignação com o caso, especialmente por causa do pagamento de fiança de R$ 800 que permitiu ao autor do crime ser liberado poucas horas depois. Se condenado, a pena de Carlos Diego pode chegar a 4 anos de prisão.

 

 

– Publicidade –

Outros destaques