terça-feira, 16 de abril de 2024

Concurso da PRF: edital previsto para ser lançado em setembro

concurso prf
Foto: divulgação

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, assegurou que o edital do concurso Policia Rodoviária Federal (PRF), será publicado no mês de setembroDe acordo com o Ministro, a informação de que o edital sai no mês de setembro foi passada pelo próprio Diretor-Geral da Polícia Rodoviária Feral, Renato Dias.

O concursoPRF já está autorizado oficialmente. De acordo com a portaria 236/2018, publicada no Diário Oficial da União de 27 de julho de 2018, o novo concurso PRF 2018 será destinado ao provimento de 500 cargos de Policial Rodoviário Federal (nível superior).

A responsabilidade pela realização do concurso será do Ministério da Segurança Pública, a quem caberá editar todos os documentos necessários. Teoricamente, o prazo para a publicação do edital PRF 2018 seria de até seis meses, ou seja, até o final de outubro de 2018, mas a corporação tem urgência nessa deliberação.

Com edital praticamente pronto, o foco se volta para a definição da organizadora responsável pelo novo concurso PRF, que deverá ser conhecida nos próximos dias.

Os dois últimos concursos da corporação, de 2012 e de 2013, foram executados pela FUNCAP e Cebraspe, respectivamente. Além disso, vale ressaltar que o atual concurso da Polícia Federal está sendo executado também pelo Cebraspe.

Último concurso PRF

O último concurso PRF, específico para a carreira de Policial Rodoviário Federal, aconteceu em 2013 e, foi executado sob a responsabilidade do Cebraspe.

Provas PRF

O concurso PRF 2013 teve as seguintes etapas seletivas:

  • Provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Exame de capacidade física, de caráter eliminatório;
  • Avaliação de saúde, de caráter eliminatório;
  • Avaliação psicológica, de caráter eliminatório;
  • Investigação social e(ou) funcional, de caráter eliminatório (esta exclusivamente de responsabilidade da DPRF);
  • Avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Previsão de ampliação de vagas não se confirmou

A previsão de concurso para a PRF foi anunciada extraoficialmente no começo de 2018, quando o governo federal decretou a intervenção militar no Rio de Janeiro e criou o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. Das 1.000 vagas anunciadas pelo ministro da pasta (Raul Jungmann), 500 foram destinadas ao concurso já em andamento da Polícia Federal.

Havia a expectativa de que fosse  autorizar um número bem maior de oportunidades, mas com a publicação da portaria 236/2018, confirmou-se que o governo foi prudente e optou mesmo pelas 500 vagas.

Para a Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), o déficit de Policiais Rodoviários prosseguirá preocupante, apesar dessa autorização. O ideal seria que o governo elaborasse um plano de reposição de servidores, com concursos acontecendo sempre que o número legal de vagas diminuir em 5%.

Entretanto, o ministério trabalhou com base na realidade atual, caracterizada pela limitação de orçamento para 2018. Com a portaria lançada agora, o desejo da PRF de que pelo menos 3.000 novas vagas fossem abertas até 2019 fica descartado, isso seria considerado um quantitativo mais realista, tendo em vista o atual déficit de servidores.

– Publicidade –

Outros destaques