sexta-feira, 3 de fevereiro de 2023

Detento foge de presídio de segurança máxima

Agentes da Secretaria de Administração Penitenciária estão à procura de um foragido da Penitenciária São Luís 3, uma das unidades de segurança máxima do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Nilson da Silva Sousa é acusado de ser assaltante de banco e teria participação na rebelião na unidade prisional em 2010, quando 18 detentos foram assassinados.

 

Em nota, a Sejap informou que a fuga aconteceu por volta de 17h30 dessa quinta-feira (23) e que está apurando a responsabilidade do ocorrido.

 

No início deste mês de abril, quatro presos foram resgatados do Centro de Detenção Provisória numa ação cinematográfica. Uma metralhadora, escadas e cordas foram usadas no resgate de Hilton Carlos Martins, John Lennon da Silva, John Carlos Campos Silva e Adeilto Alves Nunes. 

 

Até o momento, apenas John Carlos foi preso em Timon pela Polícia Rodoviária Federal. 

 

Veja, a seguir, a nota da Sejap sobre a fuga de Nilson Sousa:

 

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Sejap) informa que as equipes de segurança estão empenhadas na recaptura do detento Nilson da Silva Sousa, conhecido como ‘Diferente’, que fugiu por volta das 17h30 do Presídio São Luís 3. A Sejap já determinou a investigação detalhada do episódio e a apuração das responsabilidades

– Publicidade –

Outros destaques