sexta-feira, 27 de janeiro de 2023

Faculdades procuram alternativas para redução do Fies

A redução no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), neste ano possivelmente  promoverá mudanças nas estratégias dos estabelecimentos de ensino superior, que deverão se ajustar à diminuição da quantidade de alunos matriculados com o financiamento do fundo.

Durante o 8º Congresso Brasileiro da Educação Superior Particular, que começou na última quinta-feira (14), e prossegue até hoje (15), o assunto foi discutido.O secretário-executivo do congresso e presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), Gabriel Mario Rodrigues, disse que o momento é desafiador, mas que é possível encontrar alternativas.

 “O ministro está sensível ao problema. Ele é da área. Mas nós precisamos ver a situação [difícil] do Brasil. Eu acredito que teremos soluções onde a iniciativa privada e o governo encontrem um caminho para proporcionar financiamento a quem precisa. A presidenta Dilma deve lutar de todas as formas e o governo vai encontra solução para isso, de dar oportunidade de estudar ao aluno sem recursos.”

O Ministério da Educação (MEC) foi representado no congresso pela secretária de Regulação e Supervisão da Educação Superior, Marta Wendel Abramo. Ela destacou que as metas de aumentar o número de estudantes de ensino superior no país só serão atingidas com a colaboração dos setores público e privado.

– Publicidade –

Outros destaques