quarta-feira, 17 de abril de 2024

Festa de São Marçal acontece há 90 anos

O festejo em homenagem a São Marçal acontece há 90 anos no dia 30 de junho. Em 2017 são esperados mais de 100 grupos de bumba boi e milhares de pessoas festejando, brincando e preservando essa tradição da cultura maranhense.

O primeiro encontro de bois no João Paulo data de 29 de junho de 1928, quando os batalhões do Sítio do Apicum, o Boi do Lugar dos Índios do povoado de São José dos Índios, e segundo contam alguns, o Boi da Maioba, se reuniram no espaço onde hoje é a Praça Ivar Saldanha, sob o pedido de José Pacífico de Moraes, comerciante, apreciador da cultura popular, que resolveu reproduzir em seu bairro um encontro que já ocorria desde 1924, todo dia 29, em honra a São Pedro, na então Vila do Anil. Porém agora em homenagem a São Marçal.

O encontro se repetiu todos os anos até 1949, quando foi para o Monte Castelo, mas ficou lá somente um ano. Depois, foi para o Bairro de Fátima e rodou por outros bairros até retornar ao João Paulo, em 1959.

Somente nos anos 1980 a festa tomou a forma que tem hoje. Em 2006, a Prefeitura de São Luís, depois de ter sancionado a lei que alterou o nome da Avenida João Pessoa para São Marçal, atribuiu à Festa de São Marçal, através da lei Nº 4626 de 14 de julho, o título de bem cultural e imaterial, transformando a data no Dia Municipal do Brincante de Bumba Meu Boi.

A festa acontece desde as primeiras horas do dia 30 e continua até o começo da noite. Por conta da movimentação, o comércio da avenida não funciona.

Neste ano o festejo conta com 780 policiais militares garantindo a segurança, monitoramento a pé, em viaturas, motos e barreiras com apoio de efetivo do Comando de Policiamento Metropolitano de São Luís (CPAM I), Cavalaria, Batalhão de Choque, Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), Centro Tático Aéreo (CTA) e Corpo de Bombeiros.

– Publicidade –

Outros destaques