sábado, 13 de agosto de 2022

Homem é preso após confundir vítima com rival e atirar 4 vezes na cabeça dela

Agentes do Departamento de Homicídios da Capital (DHC) cumpriu um mandado de prisão temporária contra um homem suspeito de ser integrante de facção criminosa.

Ele é suspeito da prática de homicídio qualificado. A prisão decorreu de investigações relativas ao homicídio praticado contra Wederson Carlos Marques de Menezes, ocorrido em 9 de julho de 2020, na Avenida das Acerolas, Vila Apaco.

Na ocasião, a vítima foi abordada por dois integrantes de facção criminosa e morta na frente de testemunhas com quatro disparos de arma de fogo na cabeça. A vítima tinha acabado de sair de um campo de futebol onde jogava com amigos.

O que se verificou no decorrer das investigações é que a vítima não tinha qualquer envolvimento com práticas criminosas e apenas passou a residir em outro bairro e continuou treinando futebol na região em que morava e foi confundido com uma pessoa integrante de facção rival.

Após o cumprimento das formalidades legais, o preso foi encaminhado ao sistema penitenciário, onde permanecerá à disposição da Justiça.

– Publicidade –

Outros destaques