sábado, 4 de fevereiro de 2023

Iniciado cadastramento biométrico em prisões

 

São Luís – O cadastramento biométrico dos detentos do Complexo Penitenciário de Pedrinhas foi iniciado nessa quarta-feira (6). Em dois dias, 40 detentos já foram identificados. Os atendimentos diários serão realizados até que os mais de 2.500 detentos da capital estejam registrados no sistema.

 

A nova tecnologia, instalada há menos de um mês, garante total confiabilidade aos dados da identificação dos presos porque evita duplicidade de informações ou falsificação de documentos.

 

Censo carcerário

 

A identificação biométrica será ferramenta para o censo carcerário. A contagem terá início nas unidades prisionais da Região Metropolitana de São Luís. Em outros 23 municípios, as informações serão coletadas por meio de formulários que serão encaminhados aos presídios. As informações retornarão à central de identificação biométrica que reunirá o cadastro atualizado de toda a população carcerária do Maranhão.

– Publicidade –

Outros destaques