quarta-feira, 22 de maio de 2024

Laboratório Lacmar anuncia novo exame para diagnóstico de infecções respiratórias

O Laboratório Lacmar promoveu um evento voltado para médicos para apresentar seu mais novo serviço: Uma nova metodologia de sistema de PCR multiplex que permite o teste simultâneo de bactérias, vírus, leveduras, parasitas e/ou genes resistentes a antimicrobianos. É um diagnóstico molecular rápido e preciso .O primeiro painel a ser validado, será abrangente, cobrindo 20 vírus respiratórios e bactérias.

Vinícius Braid, Diretor do Lacmar, descreve o exame como revolucionário, enfatizando que o tratamento correto das infecções respiratórias depende da identificação exata do patógeno causador.

Segundo Braid, “Trata-se de uma nova metodologia diagnóstica que vem agregar maior precisão e agilidade nos resultados de patógenos respiratórios. E que representa um avanço significativo na medicina diagnóstica, com o potencial de melhorar o tratamento de pacientes com infecções respiratórias e auxiliar no controle de surtos de doenças. Com resultados rápidos, precisos e abrangentes, este novo teste é um recurso valioso para profissionais de saúde e autoridades de saúde pública, marcando um passo importante na luta contra as infecções respiratórias. A missão do Lacmar é investir sempre no que há de mais moderno em exames laboratoriais e esse novo serviço é prova disso.”

Susana Viana, gestora e responsável técnica do Lacmar, destaca que o painel, além de detectar mais de 20 vírus e bactérias, tem como objetivo reduzir o tempo de internação hospitalar e o uso racional dos antibióticos.

“Diferente dos métodos convencionais, oferece resultados muito mais rápidos e precisos. É importante frisar que, além de agilizar o diagnóstico médico, esse novo exame reduz o tempo de internação desses pacientes, pois permite que os médicos tratem esses pacientes de forma mais efetiva; reduzindo a necessidade de tratamentos empíricos e o uso desnecessário de antibióticos,” frisou Susana Viana.

O processo permite a identificação de uma vasta gama de patógenos, incluindo vírus como o Influenza A e B, o vírus sincicial respiratório (RSV) e o SARS-CoV-2, além de bactérias como a Mycoplasma pneumoniae.

Esses e outros detalhes técnicos foram apresentados aos médicos e parceiros do Laboratório Lacmar e do Hospital e Maternidade Natus Lumine, onde aconteceu o evento, com a presença dos técnicos responsáveis pela metodologia.

Vale lembrar que o rápido diagnóstico de infecções respiratórias é essencial, especialmente durante períodos de alta prevalência de doenças respiratórias, como a atual temporada de grande incidência de gripe e eventuais surtos de COVID-19.

– Publicidade –

Outros destaques