quarta-feira, 17 de abril de 2024

Maranhão aplicou quase 24 mil doses da vacina Bivalente contra Covid-19

Das 193.050 doses da vacina Bivalente distribuídas pelo governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), para os municípios, 23.822 doses já foram aplicadas. A vacina protege contra a cepa original do coronavírus, a ômicron e suas subvariantes da Covid-19. “A SES tem mantido diálogo efetivo com as secretarias municipais de Saúde para traçar estratégias que fortaleçam a campanha e ampliem a cobertura vacinal. É importante ressaltar, ainda, que a população é nossa aliada no combate à Covid-19. Então, reforçamos o convite para que as pessoas procurem os postos de vacinação”, destacou a secretária adjunta de Política de Atenção Primária e Vigilância em Saúde, Deborah Barbosa.

Uma das estratégias da SES para fortalecer a campanha, foi a antecipação da segunda fase da vacinação e, desde o dia 6 de março, o público de 60 a 69 anos já pode procurar as unidades e salas de vacinação. Além deles, continuam aptas pessoas acima de 70 anos, imunocomprometidos, comunidades indígenas, ribeirinhas e quilombolas.

Pode receber a bivalente aqueles que estiverem nos grupos prioritários e aqueles que já receberam pelo menos duas doses da vacina monovalente contra Covid-19. Além disso, o reforço poderá ser aplicado somente naqueles que receberam a última dose há mais de 4 meses.

Ainda de acordo com a SES, o calendário das fases de vacinação pode ser antecipado com a chegada de novas doses, como forma de atingir os grupos prioritários ainda mais rápido.

Em São Luís, a Rede Estadual disponibiliza aplicação na Policlínica do Idoso, no bairro Liberdade, até sexta-feira (17), das 8h às 16h; nas Policlínicas Vinhais e Cidade Operária, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Aos sábados, a Policlínica Vinhais está disponível para vacinação das 8h às 12h.

Calendário de vacinação por fases

  • Fase 1: pessoas acima de 70 anos, imunocomprometidos, comunidades indígenas, ribeirinhas e quilombolas;
  • Fase 2: pessoas entre 60 e 69 anos;
  • Fase 3: gestantes e puérperas;
  • Fase 4: profissionais de saúde.
– Publicidade –

Outros destaques