sábado, 25 de junho de 2022

G10 Editora

Menina relata o medo de perder as pernas, após vacinação contra HPV

Após receber alta de hospital, em Santos, nesta quarta-feira (10), uma das adolescentes que passaram mal após tomar vacina contra HPV, Mariana Freitas, 12 anos, disse que ficou sentiu muito medo de não voltar mais a andar. Além dela, pelo menos outras dez meninas tiveram reações, como dores de cabeça e falta de sensibilidade nas pernas, após ser vacinadas, em Bertioga, litoral de São Paulo.

— Pensei que iria perder minhas pernas, não conseguia mais andar.

Luana Barros, 12 anos, que também deixou o hospital nesta quarta-feira (10) afirmou que estava saudável até tomar a vacina. Ela e Mariana foram internadas no último sábado.

— Do nada, o corpo começava a tremer, não sei de onde sai, a perna e os pés a suavam muito.

Dor, inchaço e vermelhidão são as reações mais comuns da vacina contra o HPV

A adolescente Natália Barbosa, 13 anos, que ficou com as pernas paralisadas continuava sob cuidados médicos, na noite desta quarta-feira.

– Publicidade –

Outros destaques