quinta-feira, 26 de janeiro de 2023

Pinheiro: de volta ao Campeonato Maranhense com a missão de assustar os adversários

Após 25 anos de ausência no Campeonato Maranhense, o Pinheiro retorna a competição com expectativa de chegar pelo menos nas semifinais. No segundo semestre da temporada passada, o PAC conquistou o título da Série B do Estadual e ficou com o vice-campeonato da Copa FMF.

Apostando neste bom retrospecto, o clube confirmou a manutenção do técnico Luís Miguel e também de boa parte do elenco que disputou as duas competições, apenas com a perda do artilheiro Diego Vitor que foi para o Moto Club.

Pré-temporada

O Pinheiro aproveitou a base das competições para dar continuidade nos treinamentos de pré-temporada buscando ganhar uma vantagem física em relação aos adversários.

Além disso, a equipe realizou dois jogos amistosos neste período de preparação. Na primeira partida, realizada no dia 13 no Campo da FNS, venceu a equipe de Guimarães pelo placar de 5 a 2 .

Na última quarta-feira (16), foi a vez de enfrentar o São Bento no Estádio Newton Bello e acabou em um empate sem gols.

Campanha de 2018

Em 2018, o Pinheiro disputou a Série B do Campeonato Maranhense e conquistou o título. A campanha invicta teve quatro vitórias e quatro empates em oito jogos disputados na competição.

Na final contra o Chapadinha, o Pinheiro venceu por 2 a 1 no jogo de ida e empatou por 2 a 2 na volta para conquistar o título.

Time-base

Luís Miguel

O treinador Luís Miguel é um dos grandes responsáveis pelo título do Pinheiro na Série B do Campeonato Maranhense e permanece no clube para a disputa do Estadual. Após boa campanha pelo São José em 2018, o português espera repetir o feito no PAC.

Costa Rodrigues

O Estádio Costa Rodrigues é um dos principais motivos da ascensão recente do Pinheiro. Após a reforma e boa utilização do campo, o clube teve um investimento maior e conseguiu voltar ao Campeonato Maranhense. Na campanha invicta do título foram três vitórias e dois empates jogando em casa, resultando em 73,3% de aproveitamento.

Nesta primeira fase, o Pinheiro atua três vezes no Estádio Costa Rodrigues contra Moto Club (27/01), Cordino (31/01), Santa Quitéria (27/02) e Sampaio (última rodada, sem data definida).

– Publicidade –

Outros destaques