terça-feira, 16 de abril de 2024

Polícia prende 3 pessoas que são integrantes de facção criminosa, na zona rural de São Luís

Uma megaoperação foi deflagrada por equipes da Polícia Civil do Maranhão com objetivo de cumprir três mandados de prisão temporária e quatro de busca e apreensão em desfavor de indivíduos suspeitos de integrarem uma organização criminosa atuante no bairro Tajaçuaba, em São Luís. A força-tarefa que resultou nas prisões de três pessoas foi realizada nos dias 22 e 23 de fevereiro.

Segundo o delegado Ricardo Carneiro, titular do 15° Distrito Policial do São Raimundo, as investigações apontaram que os presos integram um grupo criminoso que atua na prática de diversos crimes , inclusive responsável em expulsar moradores da localidade, além de praticar crimes patrimoniais na região . Os indícios criminais foram suficientes para a representação por medidas cautelares.

Na quinta-feira (22), os policiais executaram quatro mandados de busca e apreensão domiciliar, além de um mandado de prisão de contra um homem apontado pelas investigações como sendo o braço direito da facção criminosa.

Já na sexta-feira (23), dando continuidade às diligências, as equipes policiais conseguiram cumprir um mandado de prisão contra o alvo principal da operação, que seria o líder da organização criminosa. O indivíduo que foi capturado enquanto trabalhava como vigilante em uma clínica médica, da capital, possui contra si vários mandados de prisão em aberto.

Durante a abordagem , os investigadores encontraram uma pistola cal. 380 na sua cintura do indivíduo, arma que, segundo registro de ocorrência anterior, foi subtraída de um advogado. Devido ao fato, o homem recebeu voz de prisão em flagrante por porte ilegal de arma de fogo.

Ainda na sexta, um terceiro mandado de prisão foi cumprido contra um indivíduo investigado pelo crime de roubo ,além de ser suspeito de integrar a organização criminosa.

O trabalho policial foi realizado pelo 15° Distrito Policial do São Raimundo, com apoio do 12° Distrito Policial do Maracanã, Delegacia de Roubos e Furtos(DRF) e das Seccionais Norte e Leste , todos vinculados à Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC).

– Publicidade –

Outros destaques