sábado, 13 de abril de 2024

Prefeitura realiza seminário sobre respeito ao idoso no trânsito

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Trânsito e Transportes (SMTT), em parceria com o Comitê Vida no Trânsito, realizou nesta terça-feira (23) o Seminário “O Trânsito e o Idoso: Longevidade com Dignidade”, no auditório do Parque do Bom Menino.

O evento é o pontapé inicial de um conjunto de ações que serão realizadas pela Prefeitura para resgatar o respeito, o cuidado e a dignidade do idoso como usuário do sistema de transporte coletivo da capital. “A gestão do prefeito Edivaldo está desenvolvendo ações que visem à melhoria da integração e a humanização no relacionamento entre os idosos e os principais atores que fazem o sistema de transporte, sejam eles os motoristas, os cobradores ou os fiscais. Orientações simples, no embarque e desembarque dos idosos, já promovem uma relação de respeito entre os envolvidos”, esclareceu o secretário da SMTT, Canindé Barros.

O seminário integra a programação municipal da Semana Nacional de Trânsito, que este ano tem como tema “Década Mundial de Ações para a Segurança do Trânsito/2011-2020: Cidade para as pessoas: Proteção e Prioridade ao Pedestre”. Canindé Barros destacou que o enfoque da campanha nacional está alinhado com o planejamento da atual gestão municipal para resgatar a dignidade dos idosos no trânsito e no transporte coletivo da cidade.

Para o coordenador de Educação para o Trânsito da SMTT, Francisco Moura dos Santos, medidas voltadas para esse público tornam-se cada vez mais necessárias numa sociedade em que se observa o envelhecimento da população, ocasionado pelo aumento progressivo da expectativa de vida. “Os idosos precisam de uma cidade mais estruturada e preparada para eles. Atualmente eles são muito dinâmicos, se deslocam bastante a pé e de ônibus, o que reforça a necessidade do poder público de adotar iniciativas para facilitar e melhorar a vida dessas pessoas no trânsito e no transporte”, disse.

As ações da Semana Nacional de Trânsito são integradas, envolvendo vários órgãos da administração municipal como a Secretaria de Saúde (Semus). De acordo com a superintendente de Vigilância Epidemiológica e Sanitária da Semus, Terezinha Lobo, essa articulação dos diferentes setores da gestão pública é importante para reduzir os índices de mortes relacionadas a acidentes de trânsito. “Temos como meta, e de forma conjunta com a SMTT, reduzir em até 50% o percentual de óbitos no trânsito”, destacou.

Atenta às discussões realizadas durante esta terça, a aposentada Lucimar da Assunção Silva, 67 anos, considerou excelente a iniciativa do seminário para propor melhorias voltadas à terceira idade. “Eu sou muito dinâmica, ando bastante de ônibus e confesso que enfrentamos muitas dificuldades nos nossos deslocamentos. Por isso, acho que ações que promovam à sensibilização de motoristas e cobradores para o respeito aos idosos no transporte coletivo são importantíssimas”, disse a aposentada.

O evento contou com a participação de centenas de idosos, estudantes do Colégio Militar, representantes do Sindicato dos Transportes de Passageiros de São Luís, motoristas, cobradores, entre outros. O público presente assistiu a palestras nas quais foram abordados temas sobre “Cidadania da Pessoa Idosa – uma Abordagem Histórica”, proferida pelo desembargador Paulo Sérgio Velten; “A Função da Delegacia do Idoso”, ministrada pelo delegado Emanuel Bastos; e “Cidade para as Pessoas: Proteção e Prioridade a Pessoa Idosa”, proferida pelo secretário adjunto da SMTT, Israel Pethros Ribeiro.

Também estiveram presentes no evento os secretários municipais Olímpio Araújo (Esporte), Fátima Ribeiro (Segurança Alimentar), Robson Paz (Comunicação), Marcelo Coelho (Agricultura e Abastecimento), Maria de Nazaré Garcês (adjunta da Criança e Assistência Social), além da presidente do Conselho Municipal do Idoso, Astemar Castro; da representante do Comitê de Valorização da Pessoa Idosa, Lia Farah; da coordenadora municipal da Mulher, Laurinda Pinto; da coordenadora geral do Fórum Maranhense do Idoso, Debora Jatahy; da representante do Comitê Municipal Vida no Trânsito da Superintendência de Vigilância Sanitária e Epidemiológica, Rosângela Dourado, entre outras autoridades.

– Publicidade –

Outros destaques