sábado, 26 de novembro de 2022

PRF registra mais um caso de suposta compra de votos, no Maranhão

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou mais uma a ocorrência de possível crime de corrupção eleitoral, ou compra de votos, em abordagem a veículo na BR-135, em Bacabeira. O condutor e a passageira do veículo transportavam 50 cestas básicas, além de quase R$ 2 mil em espécie, adesivos, “santinhos” e outros materiais de campanha de uma candidata a deputada federal e um candidato a deputado estadual.

Durante abordagem da Operação Eleições 2022, uma equipe de policiais rodoviários federais deu ordem de parada a um Fiat Uno, de cor vermelha, que trafegava no sentido São Luís/Bacabeira.
Ao avistarem a grande quantidade de material de campanha eleitoral no interior do veículo, os PRFs verificaram no porta-malas a quantidade de 50 cestas básicas de alimentos.

Indagados sobre o material, o condutor informou que estava transportando os alimentos de São Luís, para serem distribuídos em Cantanhede. Ele e a passageira, que se apresentou como candidata a deputada federal, não informar de quem receberam as cestas básicas nem portavam nota fiscal dos produtos. Além disso, o condutor era inabilitado para conduzir veículo automotor.

Ambos foram presos em flagrante por corrupção eleitoral e encaminhados para a polícia judiciária para as providências cabíveis.

Esta é a segunda ocorrência de crime eleitoral registrada pela PRF no Maranhão esta semana. Na quarta-feira, um homem foi preso, também em Bacabeira, por transportar R$ 12 mil em espécie com cadernos e fichas contendo nomes de “amigos” e ainda farto material de campanha de diversos candidatos a diferentes cargos eletivos.

– Publicidade –

Outros destaques