sexta-feira, 27 de janeiro de 2023

Projeto da Sedel e UFMA vai monitorar jogadores do Sampaio

Jogadores do Sampaio Corrêa passarão por exames e avaliação fisiológica e genética na manhã desta segunda-feira (25), durante a reapresentação, no centro de treinamento do clube. A ação faz parte de um projeto desenvolvido pela Sedel (Secretaria de Estado de Esporte e Lazer) em parceira com a UFMA (Universidade Federal do Maranhão).

 

Mário Sevílio, coordenador técnico do projeto, explica que o acompanhamento dos atletas envolve três aspectos: fisiológico, genético e de controle de treinamento.

 

 Esse projeto envolve vários caminhos de acompanhamento e avaliação da genética dos atletas. Vamos fazer coleta de sangue, avaliar os hormônios que servem como indicadores de estresse físico (cortisol, testosterona e creatinoquinase), além de fazer uso da termografia, que através de fotos revela a temperatura dos músculos do atleta.

 

Sevílio revelou que, nas últimas três semanas, os atletas do Sampaio estão usando aparelho que monitora a frequência cardíaca e distância percorrida nos treinos. Posteriormente, as avaliações e monitoramento se estenderão para o Moto Clube e Imperatriz. A pesquisa se aplica a qualquer outra modalidade esportiva.  

 

 

 Existe uma carência no cenário mundial de pesquisas desse tipo, que envolvam os polimorfismo e parâmetros físicos e fisiológicos do atleta. Nosso intuito é posteriormente publicar os dados colhidos em grandes revistas da área.

– Publicidade –

Outros destaques